O bolso vazio

Primeiramente, mil perdões, a cada dia fica mais difícil de escrever. #OREMOS   

Tem dia que é dia de voltar pra casa, diminuir os passos, e lentamente fechar os olhos, ser contemplativo, escutar o silêncio do vento. O quão é difícil arranjar um dia sequer na agenda assim, não é mesmo? Mas é preciso, o seu impacto é precioso, e dura até a eternidade. Dias como esses não estão distantes da realidade, estão pertos e nos chamam para um momento de prazer, prazer espiritual, prazer através da redenção.   Redenção. Render-se. Rendido. 
Que palavrinha curiosa, conflitante, talvez, até mesmo seja nova. Nos dias de silêncio namore as palavras, veja o que elas dizem. Um policial grita: renda-se!! O cidadão para, encosta na parede e levanta suas mãos para ser revistado, olha os bolsos, olha tudo, por fim ele está vazio... “Agora sim, pode ir, estar liberado”, dizia o policial após o cidadão se render. Render-se então é parar, levantar as mãos e esvaziar-se de si mesmo, nos dias de silêncio fazemos isso, levantar as mãos não convencionalmente, mas dizendo: elas são melhores assim, para não reagir, é melhor alguém me esvaziar, é melhor eu não pegar em nada, pois sou desonesta e pecadora, e posso fazer tudo errado.   

Entendeu até aqui? Entendeu sobre os dias silenciosos?   

Muitas vezes nesses dias, os ossos se enrijecem, ficam parados, os joelhos não se dobram, as mãos não se levantam, gritam, grudam e dão piti segurando o bolso:   - Eu não quero! São minhas as paixões... Nãaao, elas são minhas, meu dinheiro, MINHA vontade, meus pensamentos, é tudo meu, minhas teorias! Meu, meu, meu!   
Então, seus bolsos ficam cheios, com tudo que é seu, com tudo que é nosso por direito: pecado, medo, peso, condenação. Isso é nosso! E como é nosso! Assim também o egoísmo, a soberba, a inconstância, tudo é nosso.   Aquele que não se deixa mexer os bolsos não tem parte com Ele. Aquele que esta cheio de si, não tem Ele. Aquele que não deixa os bolsos serem revistados nunca serão livres, liberados.   
Quem quiser possuir o bolso limpo dessas coisas é só seguir a um jovem que nos ensina a nos render como ninguém, Jesus Cristo – O homem de bolso limpo. Ele que se rendeu, sem precisar e nos deixou um recado: Podem-se achegar a Ele todos que estão cansados desses bolsos cheios, que Ele vai esvaziar e ensinar como permanecer assim, e não se preocupe: Ele é humilde e paciente ao ensinar.   

Dúvidas: procure-nos, quer seja no blog, email, ou página do facebook! Estamos dispostos a lhe ajudar!  

Abraços, com saudade, e...   Lembrem-se! todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus!   

Obrigada Espírito Santo! Fica conosco!

Tainah Cerqueira

Nascida em 1993. Cristã. Cacheada. Natural de Salvador - BA. Cheia de sonhos na caixola. Apaixonada pela vida e qualquer tipo de arte. Vivendo nEle, por Ele e para Ele.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.
- comentários com palavrões ou ofensas não serão aceitos;
- as criticas construtivas são sempre bem vindas;
- caso queira deixar o link para seu blog, fique a vontade.

Instagram